quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Retorna-te ao que se é.



Do que adianta tantos saberes se a alma não sabe sentir?

Sentir-se-á solitária ainda que estando rodeada de gente.

Ser ou não ser, eis a questão?
Sentir ou não sentir muitos não fazem questão.
Autenticidade. 
A coisa mais estressante que existe na vida é ser extamente autêntico...
Exatamente, talvez você não tenha sido sincero (a) ou esteja sendo você mesmo (a) até aqui.
De alguma forma tenhas vivido a vida de outro, outra vida que não a sua...
Tens de algum modo fingido ser alguém que tanto admiras?
Tens se entregado a possessividade permissiva malévola de outrem que até mesmo não conseguindo repelir, embora tu e somente tu mesmo (a) abominas?. 
Seriam as máscaras que te fazem sombras sobre o "eu"? 
Tens tu posto acima de tu, sendo a tua própria alma fugidia, te escondido por detrás delas?
Salve-se a si mesmo(a), refaça o caminho de você mesmo (a) e em direção a você mesmo (a)...
Tens tu ciência de algum um atalho? 
Certamente que sim.
Você poderá perder o tesouro mais valioso que o ser humano possui -  o seu ser - a você mesmo(a).
Portanto, deseje interiormente torna-se ao QUE SE É.

M Serafim